O que é DRT? Por que preciso dele? Como “tirar”?

O que é DRT?

DRT significa Delegacia Regional do Trabalho. É errado dizer: “quero (ou tenho) DRT!”. Você quer (ou tem) um registro profissional.

“Ter” um DRT, como a maioria diz, significa ser registrado profissionalmente, ter sua profissão regulamentada na sua carteira de trabalho. Resumindo: teoricamente, se você “tem” um DRT, significa que você é ator profissional e que está preparado para atuar.

 

Por que preciso do DRT?

Pela Lei 6.533 de 1978, que regulamenta a profissão de ator, somente atores com este registro podem ser contratados como profissionais em trabalhos de TV, cinema, teatro ou publicidade. Caso não “tenha” o DRT, o ator não pode ser contratado para nenhum trabalho como profissional, só tendo autorização para trabalhar como amador. E, por exemplo, atores amadores não podem trabalhar na TV. Até podem, mas como figurantes ou interpretando papéis sem fala, em segundo plano.

Como “tirar” o DRT?

Em primeiro lugar, você precisa saber o que é SATED. SATED é o Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos de Diversão. A maioria dos Estados brasileiros possui um SATED com o objetivo de representar os artistas da região. É ele o responsável por conceder o registro profissional aos atores no Brasil. Continuando sobre o DRT…

Segundo a Lei existem duas formas de obter o DRT:
I – diploma ou certificado correspondentes às habilitações profissionais de Ator reconhecidas na forma da Lei; ou
II – atestado de capacitação profissional fornecido pelo Sindicato representativo das categorias  profissionais e, subsidiariamente, pela Federação respectiva.

Resumindo: você precisa cursar uma faculdade de Artes Cênicas, que dura cerca de 2 a 3 anos, ou estudar em cursos reconhecidos pelo SATED do seu Estado. Também existe a possibilidade de reconhecer seu trabalho provando ao SATED que você participou efetivamente, como ator, em projetos profissionais de teatro, cinema, TV, comerciais, eventos… Esta forma de dar entrada no seu registro profissional pode variar de SATED para SATED e, em alguns casos, além da comprovação dos trabalhos, é exigida uma prova prática diante de uma banca examinadora.  Após aprovação do SATED, o ator recebe o DRT provisório, que tem validade de um ano. Neste período, o ator terá que fazer pelo menos mais um trabalho para obter o DRT definitivo.

Consulte o SATED da sua região e tire todas as suas dúvidas sobre como “tirar” o seu DRT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *